.

.

sexta-feira, novembro 27, 2015

Se me comporto como criança... cerque-me de carinho...


Se meu andar é hesitante e minhas mãos tremulas... ampare-me...

Se minha audição não é boa, tenho de me esforçar para ouvir o que você esta dizendo... procure entender-me...

Se minha visão é imperfeita e o meu entendimento escasso... ajude-me com paciência...

Se minhas mãos tremem e derramam comida na mesa ou no chão...

Por favor não se irrite tentei fazer o melhor que pude...

Se você me encontrar na rua não faça de conta que não me viu...

Pare para conversar comigo, sinto-me tão só...

Se você na sua sensibilidade me vê triste e só...

Simplesmente partilhe um sorriso e seja solidário...

Se lhe contei pela terceira vez a mesma ''historia'' em um só dia...

Não me repreenda, simplesmente ouça-me...

Se me comporto como criança... cerque-me de carinho...

Se eu estou com medo da morte e tento nega-la...

Ajude-me na preparação para o ''Adeus''...

Se estou doente e sou um peso em sua vida...

Não me abandone um dia você tera a minha idade...

A única coisa que desejo... neste meu final de jornada...

É um pouco de respeito e de amor...

Um pouco... Do muito que te dei um dia...


Li... amei...

Você também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...