.

.

terça-feira, janeiro 23, 2018

Criar, transformar, mudar e ter coragem para aceitar!


"A BORBOLETA é o símbolo da ALMA, pois da mesma forma que abandona a crisálida para voar, o espírito se liberta do corpo físico para ganhar espaço infinito.

Representa também o renascimento e a imortalidade.

Também está associada à mulher, a metamorfose de seu ovo para lagarta e depois para crisálida e borboleta. Indica as etapas da alma para a iluminação.

E duas borboletas juntas indicam felicidade matrimonial.

O poder da borboleta é como o ar, é a habilidade de conhecer a mente e de mudá-la, é a arte da transformação…

Como a borboleta, estamos sempre em algum estágio de atividade:

Podemos estar no primeiro estágio, onde a ideia nasce, mas ainda não é uma realidade, é o estágio do ovo, o ponto de criação de uma ideia;

O segundo estágio, da larva, é onde temos que tomar uma decisão;

O terceiro estágio, do casulo, é o desenvolvimento do projeto, é fazer para realizar;

E o estágio final, a transformação, é deixar o casulo e voar, é a realização!

A principal mensagem é:

Criar, transformar, mudar e ter coragem para aceitar!"

Paulo Coelho

O centro de sua vida é também o centro de todo o universo.


"Quero que as pessoas conheçam a si mesmas, que não sigam as expectativas dos outros.

E a maneira é indo para dentro.

Vá para dentro com toda a sua energia com uma grande urgência, como se este fosse o último momento de sua vida, e você precisa alcançar a centro e a fonte do seu ser.

Mais e mais fundo.

O centro de sua vida é também o centro de todo o universo.

É a partir do centro de sua vida que você é nutrido pela existência.

Simplesmente observe o silêncio, a paz.

O imenso esplendor de seu ser.

Você é o Buda quando você está vigilante; a mesma mente, quando vazia, se torna o Buda.

O Buda nada mais é do que um espelho vazio, sem julgamento. apenas uma vigilância, um testemunhar."

Osho.

segunda-feira, janeiro 22, 2018

Carta aberta à uma amiga


Minha amiga,

Tenho pensado muito sobre você ultimamente.

E não me importo com o quão mal interpretado isso possa soar por aqui.

Ia esperar seu aniversário para lhe dizer algumas palavras mas...

Pra que esperar?

Talvez você nem saiba, ou saiba, ou nem pense sobre, sei lá.

Mas sua presença teve e tem um papel muito importante na minha vida.

Sabe aquela mãozinha que te puxa quando você tá quase se afogando?

Então. Antes de mais nada, gostaria de te agradecer.

Por toda a força, por toda a parceria, por todo o companheirismo.

Pelo acompanhamento, por dividir comigo as minhas e as suas histórias.

Por rir comigo e me deixar rir de você.

E por rir de mim.

Você me ensinou tanta coisa nesse tempo de amizade que também aprendi muito sobre mim.

É uma troca muito próspera, entende?

Temos uma certa diferença de idade (sem baixo astral, eu só nasci um pouco depois), por isso aprendo muito.

Mas, se me permitir, gostaria de ensinar algumas coisas.

Use filtro solar.

Não tô citando aquele velho discurso traduzido pelo Pedro Bial.

Realmente quero que você use filtro solar.

Obrigada.

Mas sobre a vida, gostaria de dizer que nós não temos tanto tempo.

E, sinceramente, acredito que o tempo se agigante na mesma intensidade em que vivemos as coisas.

Então, uma dica valiosa seria: não perca a sede pela vida.

Morra de sede por ela.

Morra de amor se sentir vontade.

Por tudo, por todos e - principalmente - por você.

Se permita.

Em todos os sentidos.

Se permita errar, pois essa é a única forma de acertar.

Não se obrigue a nada, apenas se permita a tudo.

Releve.

Faz a Frozen e 'Let it Go'.

Não há ninguém no mundo capaz de te ferir a não ser que você permita.

Ou seja, quem te fere é você mesma.

Não se cobre.

Pelo amor de Deus não se cobre.

A vida já tá muito cara para arrancarmos tanta disciplina de nós.

Descasque-se.

Pirei?

Não sei, inventei isso agora.

Tire a casca.

Aquela dura camada que a gente vai adicionando ao longo dos tropeços.

Fique nua e crua, portanto, correndo os riscos.

Os deliciosos riscos que fazem parte de viver.

Então é isso, minha amiga.

Vamos mostrar os dentes pro mundo, sorrir e rir até a barriga doer.

E é isso que a gente faz de melhor.

Obrigada pela amizade! 💙

Stéphanie Waknin

Porque primeiros amores deveriam ser os últimos


Não é o que dizem por aí?

Quem ri por último, ri melhor?

Pois é, eu fico com essa sensação esquisita de nunca vou te esquecer, por mais que eu me entregue para tantos outros sabores que existem por aí.

Não que seu amor seja o melhor, o inesquecível e nem nada do gênero.

Você não tem nada de especial, basicamente.

Mas é que eu nunca voltei a me sentir como me sentia quando estava ao seu lado.

E às vezes me pego pensando que é só porque a gente teve algo cedo demais, mas isso também não faz muito sentido.

Gostaria de poder olhar pra você e conversar horas sobre o nosso problema de esquecimento.

Porque sua força magnífica de ser o meu primeiro amor aparece sem aviso prévio, e meu corpo fica todo remexido por sensações que não consigo conter.

E depois, sem entender ao certo como isso tudo aconteceu, você some porque eu preciso te esquecer.

Talvez seja esse o nosso problema, e como disse em uma de nossas conversas madrugais, a nossa falha é nunca ter saído do quase.

Ficamos apenas com água na boca, na beirada de algo muito bom que nunca aconteceu.

Eu nunca emergi em você, a não ser quando me apaixonei pelo garoto-homem que sabia o que queria comigo.

Foi isso que me impressionou e acho que nunca voltei a ver novamente alguém que tivesse tanta certeza que eu era o centro de um mundo que era dividido por nós dois.

Se, ou quando, nós tivermos coragem o suficiente para encarar isso, voltaria àquele dia em que nos conhecemos só para lembrar de certas coisas que nunca esqueci.

Você cantando para mim no dia que eu iria voltar pra cidade, prometendo baixinho que voltaria para me “roubar”, nós dois entalhando nossas iniciais em uma árvore no meio do nada e até a vez que nós terminamos e você me disse que eu precisava sair desesperadamente do “meu mundinho”.

Pois é, eu sai do meu limitado mundo de sobrevivência e me magoei diversas vezes, porque em todas elas, queria alguém que me fizesse sentir que nem quando eu estava com você.

Eu me pressionava, escolhia a dedo e em todas às vezes, eles não encaixavam no cara doce e engraçado que sabia me fazer feliz com pouca coisa.

Você se apaixonou por algo concreto, porque ali naquela noite, eu não era ninguém, a não ser uma criança que nunca tinha pensado em ser beijada antes.

E você apareceu sem que eu esperasse, me mostrou o mundo e depois nós nunca mais demos certo.

Agora fico me perguntando quando é que vou ter a coragem de mergulhar em tudo o que sentimos, sem ter ar para voltar para cima, apenas me afundando e me afundando cada vez mais dentro de você?

Porque gostaria de ter um pouco mais de nós dentro desse particular tão limitado que vivo tentando expandir, era só ter você, seu sorriso e o mundo todo que prometemos e nunca tivemos.



Quem sabe assim, da última vez de um encontro espontâneo, a gente não sorria por último pelo resto de nossos dias?

É algo a se pensar.


Talyta Villaescusa

domingo, janeiro 21, 2018

Boa noite Comentando...


***Continuo com limitações, de repouso por conta da fratura, mas em 16 dias acredito que já possa voltar aos pouco a minha vida.Um abraço a todos.








 "Não importa em que fase da vida você se encontra, nem que tipo de situação está enfrentando. 
Retome a essência da sua vida e veja todas as coisas sob uma perspectiva diferente, e assim encontrará a paz interior e o bem estar que tanto procura." 


(Louise Hay)






"Se você se sentir triste, desanimado, sem vontade de sorrir ou ir atrás dos seus sonhos, só com vontade de cruzar os braços e deixar a vida passar. Lembre-se que cada dia é único, que cada atitude reflete no seu futuro e principalmente que o mais iluminado homem que passou pela terra, morreu de braços abertos por amor a todos nós"...


(desc.autor)





Sol Hoffmann

Aprendi que se aprende errando…


Aprendi que se aprende errando…

Que crescer não significa fazer aniversário…

Que o silêncio é a melhor resposta, quando se ouve uma bobagem…

Que trabalhar significa não só ganhar dinheiro…

Que amigos a gente conquista mostrando o que somos…

Que os verdadeiros amigos sempre ficam com você até o fim…

Que a maldade se esconde atrás de uma bela face…

Que não se espera a felicidade chegar, mas se procura por ela…

Que quando penso saber de tudo ainda não aprendi nada…

Que a Natureza é a coisa mais bela na Vida…

Que amar significa se dar por inteiro…

Que um só dia pode ser mais importante que muitos anos…

Que ouvir uma palavra de carinho faz bem à saúde…

Que dar um carinho também faz…

Que sonhar é preciso… Que nosso ser é livre…

Que Deus não proíbe nada em nome do amor…

Que o julgamento alheio não é importante…

Que o que realmente importa é a Paz interior…

Alguém disse...

Você também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...