.

.

terça-feira, outubro 20, 2015

Para Planalto, Cunha tem potencial de virar um 'homem-bomba'

No Palácio do Planalto ainda há surpresa que, mesmo depois dos documentos que provam que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), tinha conta na Suíça, ele consegue manter uma influência sobre mais de uma centena de deputados.

Relatos que chegam ao governo indicam que Cunha tem lembrado com frequência que os recursos arrecadados por ele eram para ajudar nas campanhas dos próprios deputados.

Por isso, há um ambiente de medo e apreensão entre os parlamentares desde o surgimento do dossiê feito pela Procuradoria da Suíça.

Para o governo, Cunha já perdeu as condições de comandar a Câmara dos Deputados, mas deve influir na sua sucessão.

Mais do que isso, corre o risco de conseguir manter o seu mandato, já que muitos parlamentares temem um caminho semelhante ao dele no Conselho de Ética.

"O Cunha tem potencial explosivo igual ao Roberto Jeferson em 2005. Ele pode se transformar num novo 'homem-bomba'", resumiu ao Blog um assessor palaciano.

 De todo jeito, no núcleo do governo, a avaliação é que é preciso ter uma solução rápida para a substituição de Eduardo Cunha, até para que haja mudança de pauta no Congresso Nacional.

Hoje o governo tem dificuldade de colocar temas econômicos e do ajuste fiscal na ordem do dia.


Gerson Camarotti

Você também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...