.

.

terça-feira, junho 20, 2017

Mulher que traz a calma, conduz à paz, ensina o caminho.


E o Espírito de tudo que encanta inspirado, festejou...e dessa alegria, brotou flor, e era perfume só, era beleza só, era graça só... 

Brotou flor-mulher, milagre e sabedoria, maciez e calor, divindade atingível, coragem em forma de colo... 

E embalou cantando feito passarinho, em seus braços, todo curumim dessa terra. 

Embalou, cantando um lamento por respeito. 

Um hino simples, à tudo que ainda faz sentido, e faz bem, e faz curar... 

Embalou, nutrindo esperança. 

E de um mundo de órfãos de rumo, fez lar quentinho...lar seguro. 

Mãe índia, mãe original, mãe-flor. 

Obra prima do Espírito de tudo que encanta. 

Mulher que traz a calma, conduz à paz, ensina o caminho. 

Mulher destemida. 

Sem tempo para tremer. 

Que sabe e luta, pelo que de fato é vida. 

Mulher-flor, milagre moreno. 

Laço amoroso, dos céus com a terra. 

Gi Stadnicki.

Você também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...