sábado, janeiro 07, 2017

Não há depois, é tudo agora


"Ela não precisa mais provar nada.

Já sofreu separações, e tem consciência de que suporta o sofrimento.

Já superou dissidências familiares, e tem consciência de que a oposição é provisória.

Já recebeu fora, deu fora, entende que o amor é pontualidade e que não deve decidir pelo outro ou amar pelos dois.

Cansada das aparências, cometerá excessos perfeitos.

É mais louca do que a loucura porque não se recrimina de véspera.

É ainda mais sábia do que a sabedoria porque não guarda culpa para o dia seguinte.

Não há depois, é tudo agora."

Fabricio Carpinejar

Você também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...